DESTAQUESPARANÁ

Vendaval causa estragos na Colônia Vitória, em Guarapuava

Vila Abigail e Vila Machado foram afetadas; Defesa Civil entregou ajuda imediata à comunidade

Guarapuava (PR) – Na noite da última terça-feira (26), um vendaval repentino atingiu a Colônia Vitória, mais especificamente a Vila Abigail e a Vila Machado, causando estragos significativos na região. Apesar da chuva ser de baixa intensidade, os ventos fortes que duraram apenas alguns minutos foram suficientes para derrubar postes, árvores e danificar casas, deixando um rastro de destruição.

O evento climático ocorreu por volta das 21h, e os primeiros relatos de danos começaram a chegar às autoridades locais momentos depois. As equipes da Defesa Civil de Guarapuava foram acionadas imediatamente e, desde as primeiras horas da madrugada prestam auxílio às famílias afetadas. Equipes da Companhia de Serviço de Urbanização de Guarapuava (SURG) e da Secretaria de Obras do Município, também prestaram ajuda aos atingidos pela tempestade.

Tiago Bronoski, representante da Defesa Civil do Município, que esteve com as equipes de apoio nas vilas, enfatizou o papel do órgão em auxílio à comunidade. “A comunidade foi praticamente devastada, e embora nós não sejamos os responsáveis pela reconstrução em si, fizemos o possível no auxílio à recuperação das residências e na melhoria da vida das pessoas afetadas. Nossa prioridade é sempre, em primeiro lugar, preservar a vida de cada indivíduo. Em segundo lugar, estamos aqui para oferecer apoio na reconstrução e na retomada das atividades normais após a ocorrência de desastres”, disse.

Ao todo, até o momento, já foram atendidas 120 casas que sofreram danos variados. Os principais problemas enfrentados pela população incluíram a queda de postes sobre estradas e residências, árvores caídas nas vias e danos em telhados de casas.

Segundo informações da Defesa Civil, o vendaval foi um fenômeno meteorológico raro, já que não foi acompanhado por um grande volume de chuva. De acordo com especialistas, essas condições climáticas atípicas podem ocorrer quando ventos frios ou quentes se propagam rapidamente após um período de calor intenso.

Nesta quarta-feira (27), as equipes da Defesa Civil entregaram mais de 300 telhas para as famílias afetadas, além de lonas para ajudar na cobertura emergencial das residências danificadas.

“Os atendimentos foram feitos durante a manhã e à tarde, rua por rua, casa por casa, família por família, pessoa por pessoa, avaliando toda a estrutura, vendo o que realmente precisava, para fazermos os atendimentos”, acrescentou Tiago.

Os trabalhos de recuperação e assistência às famílias continuarão nos próximos dias, com a garantia de que todos os esforços serão feitos para que a Colônia Vitória se recupere o mais rápido possível dos estragos causados pelo vendaval.

A prefeitura de Guarapuava, por meio do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil permanecerão em alerta constante para prevenir e responder a eventos climáticos adversos, garantindo a segurança e o bem-estar de todos os cidadãos do município. Em caso de emergência, ligar para: Corpo de Bombeiros: 193, ou Defesa Civil: (42) 9 99709482.

Secom/Guarapuava

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *