DESTAQUESPARANÁ

Ícone da natureza, Lago Municipal completa 39 anos como principal cartão-postal de Cascavel

O espaço que une meio ambiente, preservação e espaço de lazer é o queridinho dos cascavelenses

Cascavel (PR) – A beleza irretocável do Lago Municipal é uma marca da cidade de Cascavel. É um grande espelho da água que reflete à grandiosidade de uma área que garante aos cascavelenses uma verdadeira imersão na natureza, em meio à maior reserva natural urbana do Sul do Brasil. O queridinho dos cascavelenses e principal cartão-postal do Município completa neste sábado (11), 39 anos de história. Ele foi inaugurado em 1984 pelo então prefeito Fidelcino Tolentino.

O Lago, além de toda imponência e espaço de lazer da comunidade, também tem uma função de saneamento, uma vez que é um reservatório com 4 bilhões de litros de água oriundas das nascentes do rio Cascavel.  Em momentos de estiagem, foi o Lago que assegurou a água nas torneiras dos cascavelenses.

O Lago está dentro do Parque Ecológico Paulo Gorski, com 111,26 hectares, sendo 55 hectares de mata nativa, 38 hectares de lâmina da água e 17 hectares do Zoológico.

Ao longo desses 39 anos, o Lago Municipal também se tornou ponto de encontro das famílias, com área de lazer com parquinho para as crianças, quadras de esporte e até palco de apresentações culturais.

O Lago também é o maior símbolo da atenção do cascavelense com a saúde. Diariamente, centenas de cidadãos realizam alguma atividade física ao longo dos 4,2 km de pistas de caminhadas e de ciclovia. Seja a pé ou a pedaladas, o cenário é um incentivo a mais para os praticantes de exercícios. Há ainda quem não perca a chance de fazer aquele registro do nascer e do pôr-do-sol.

Para garantir a sobrevivência do gigante, uma grande obra de desassoreamento está sendo feita. Ao todo, 90% dos trabalhos iniciados em março já foram realizados. A fauna e a flora do local estão sendo cuidadas e preservadas. A previsão é que até fevereiro a obra seja concluída. Das seis etapas do desassoreamento, cinco já foram concluídas.

Segundo o secretário de Meio Ambiente, Nei Haveroth, a ideia com a obra é aumentar a capacidade do reservatório, proteger o Lago do assoreamento, revitalizar o paisagismo e melhorar esse espaço de contemplação à natureza. “É uma beleza imensurável o nosso Lago Municipal, trazendo aqui o abastecimento da cidade, nosso manancial, a cabeceira do Rio Cascavel. É um local que nós precisamos cuidar, cuidar do paisagismo, cuidar para que ele não assoreie, para que nós tenhamos uma capacidade maior no reservatório e proporcionar aqui o espaço de lazer para toda a comunidade. Muitas coisas precisam ainda ser feitas, mas o nosso Lago está bom, está sempre em condições de receber a nossa população. É bonito demais. E é por isso que a gente está trabalhando aqui para proporcionar uma vida longa ao Lago”, observa.

Secom/Cascavel

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *