SEGURANÇA

Operação policial resulta na prisão de suspeitos de tráfico de drogas em Guarapuava

Foto: Divulgação/PM

Guarapuava (PR)  – Nesta quarta-feira (24), uma ação policial realizada na Vila Bela resultou na prisão de suspeitos envolvidos com o tráfico de drogas. A equipe responsável pela operação havia recebido diversas denúncias sobre a atividade ilícita no endereço e notado uma movimentação constante de usuários de crack na região.

Durante um patrulhamento de rotina, os policiais avistaram um indivíduo em frente à residência mencionada. Ao perceber a presença da equipe, o suspeito mudou bruscamente de direção e acelerou o passo, levantando suspeitas. Ele foi abordado e identificado como um homem de 37 anos. Durante a revista pessoal, os policiais encontraram no bolso direito de sua calça uma pedra de crack (0,2 gramas), embalada em papel alumínio, juntamente com um cachimbo usado para consumir a substância. O abordado admitiu ser usuário de drogas, mas se recusou a fornecer informações sobre a origem da droga.

No momento da abordagem, próximo ao portão da residência, outro homem de 20 anos foi flagrado jogando no chão dois frascos plásticos. Esse indivíduo também foi abordado e, durante a busca pessoal, os policiais encontraram em seu bolso a quantia de R$114,00 em notas de pequeno valor, característica comum na venda de drogas. Além disso, foram localizadas oito folhas de caderno com anotações contábeis relacionadas ao tráfico de drogas e onze lâminas de barbear com resquícios de crack, frequentemente utilizadas para o fracionamento da substância. Nos frascos dispensados por ele, foram encontradas 85 pedras de crack embaladas em papel alumínio, prontas para a venda, totalizando 15,17 gramas. Também foi encontrado um celular da marca Xiaomi, de cor preta, possivelmente pertencente ao suspeito. Após consulta operacional, foi constatado que o homem já tinha antecedentes criminais por tráfico de drogas e estava utilizando uma tornozeleira eletrônica.

Durante a operação, os policiais identificaram o morador da residência, um homem de 25 anos, que afirmou ser catador de recicláveis e não ter conhecimento das atividades ilícitas ocorrendo em sua casa. Nada ilícito foi encontrado com ele, e a equipe decidiu realizar buscas no interior da residência com sua autorização. Foi então solicitado o apoio de uma equipe de operações com cães, que compareceu ao local. Com a ajuda da cadela de faro “Loba”, os policiais localizaram uma pedra de crack embalada em papel alumínio dentro de um quarto.

Diante dos fatos, o suspeito de 20 anos foi detido pelo crime de tráfico de drogas, de acordo com o artigo 33 da Lei de Drogas. Os demais envolvidos foram conduzidos à

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *