CANTU

Projeto Vida Longa leva judô à melhor idade

Marquinho (PR) – A busca por uma vida ativa e saudável é uma constante, e a Melhor Idade tem encontrado no Judô um aliado poderoso. Esta semana, a turma dedicada de Judô para a Melhor Idade está irradiando energia positiva e comprometimento, iniciando a semana com força total. Essa aula especial faz parte do Programa Vida Longa, uma iniciativa da Secretaria de Ação Social que tem se destacado como um verdadeiro sucesso entre os idosos.

No dia 11, um grupo animado de participantes mergulhou em uma emocionante sessão de Judô, conduzida com maestria pelo respeitado sensei Gilson Jardel Nogueira. Mas o que torna essa experiência tão excepcional? A resposta reside na abordagem única do Judô para a Melhor Idade, onde a sabedoria e o conhecimento são celebrados como nunca antes.

O Judô não é apenas uma atividade física; é um ambiente onde os idosos são tratados como valiosas fontes de sabedoria, contribuindo significativamente para o bem-estar de todos os participantes. A segurança é uma prioridade, com ênfase na técnica de quedas defensivas, eliminando a preocupação com lesões traumáticas.

Este projeto oferece artes marciais e práticas esportivas cuidadosamente adaptadas para grupos da Melhor Idade, promovendo a saúde tanto física quanto mental. Além de fortalecer os laços comunitários, a iniciativa incentiva um envelhecimento ativo e gratificante.

A força, sabedoria e dedicação demonstradas por esses participantes são inspiradoras, evidenciando que a Melhor Idade é um momento ideal para abraçar novos desafios e conquistas. O Judô para a Melhor Idade transcende o mero esporte; ele se torna um símbolo de superação e vitalidade.

Assessoria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *