CANTAGALO

Tumulto e algazarra em residência leva à intervenção da polícia na Vila Caçula

Cantagalo (PR) – Na noite de quarta-feira (27), por volta das 23h, a Polícia Militar de Cantagalo foi acionada para atender a uma ocorrência na vila Caçula. Várias pessoas estavam reunidas em uma residência, onde a perturbação do sossego público se fazia presente por conta de um som alto, gritos e algazarras.

Ao chegarem ao local, as equipes policiais constataram um volume excessivamente alto vindo de uma caixa de som equipada com potentes alto-falantes, subwoofer e cornetas. Os proprietários da residência, dois homens e uma mulher, foram identificados como responsáveis pelo equipamento.

Após orientações para que desligassem o som, o proprietário se recusou a cooperar. Os policiais advertiram sobre as consequências da recusa, ameaçando recolher o equipamento e encaminhar os responsáveis para a delegacia.

Diante da resistência do dono do som, a equipe policial tentou recolher o aparelho, momento em que foram agredidos com socos e chutes. Para conter a situação, foi necessário o uso de força física e gás de pimenta. Também foi preciso pedir reforço para a equipe de Virmond.

A situação tomou um rumo ainda mais preocupante quando dois dos envolvidos ameaçaram os policiais, sugerindo a possibilidade de pegar uma faca. Perante esse quadro, os indivíduos fugiram para o interior da residência, evadindo-se pelos fundos e escapando do alcance das autoridades.

Após buscas nas imediações, os demais envolvidos não foram localizados. No entanto, a caixa de som foi apreendida, e um dos homens envolvidos foi encaminhado ao hospital de Cantagalo para avaliação de lesões, seguindo depois para a Delegacia de Laranjeiras do Sul para os procedimentos legais cabíveis.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *