SEGURANÇA

Mulher deixa filha deficiente sozinha para consumir bebida alcoólica em Catanduvas

Catanduvas (PR) – Ontem (15), por volta das 14h20, a equipe da Polícia Militar de Catanduvas foi acionada pelo Conselho Tutelar para investigar uma denúncia de abandono de incapaz. Segundo a denúncia anônima recebida pelo conselho, uma mulher deficiente de 25 anos estava gritando em sua residência enquanto sua mãe havia saído para consumir bebidas alcoólicas.

Ao chegar no endereço indicado, os policiais tentaram estabelecer contato com a mulher deficiente, que só conseguia se comunicar através de alguns sinais. Diante da situação, a assistência social também foi acionada e compareceu ao local para prestar apoio.

Durante as buscas pela responsável, ela foi localizada apresentando evidentes sinais de embriaguez, incluindo forte odor etílico, vestimentas desalinhadas e dificuldade de locomoção. Além disso, ela se mostrou desrespeitosa e desafiadora com a equipe policial.

Diante da situação, a mulher foi detida e conduzida até o Departamento de Polícia Militar de Catanduvas para os procedimentos legais. A detida exigiu que os policiais realizassem o teste do etilômetro, o qual foi conduzido e resultou em 0,63mg/L, confirmando a embriaguez.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *