Uncategorized

Massa e Milei disputarão o segundo turno da eleição presidencial na Argentina

Buenos Aires – A eleição presidencial na Argentina terá um segundo turno no dia 19 de novembro, pois nenhum dos candidatos obteve a maioria dos votos necessária para garantir a vitória no primeiro turno. Sergio Massa, candidato governista, liderou a corrida com 36,43% dos votos válidos até as 22h50 deste domingo (22), de acordo com números da contagem oficial do Diretório Nacional Eleitoral, que já havia apurado 94,18% das urnas. Enquanto isso, o candidato de extrema-direita, Javier Milei, alcançou 30,12% dos votos.

Esses resultados definirão uma disputa acirrada no segundo turno entre Massa e Milei, à medida que buscam conquistar o cargo mais alto do país. A expectativa é de uma campanha eleitoral intensa nas próximas semanas, já que os candidatos buscarão atrair eleitores indecisos e consolidar seu apoio existente.

Em terceiro lugar na corrida presidencial aparece Patricia Bullrich, com 23,85% dos votos. A votação ocorreu de forma pacífica em todo o país, e as autoridades eleitorais destacaram o trabalho árduo de mais de 1.800 digitadores que permitiu uma apuração rápida e eficiente dos resultados.

O secretário-geral da Presidência, Julio Vitobello, expressou satisfação com o processo eleitoral, afirmando que a contagem rápida das urnas proporcionou um resultado mais rápido do que o previsto, demonstrando a eficiência do sistema eleitoral argentino.

A Argentina agora se prepara para uma fase decisiva da corrida presidencial, com os dois principais candidatos buscando conquistar o apoio dos eleitores e definir o futuro político do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *